top of page
faixa teste.png

Blog INFOSW

Práticas recomendadas para lidar com o gerenciamento de patches em um ambiente de trabalho híbrido


 

A maioria das organizações optou por adotar o trabalho remoto mesmo depois de ter sido liberada para retornar ao escritório.

Essa decisão apresenta vários desafios aos administradores de TI, especialmente em termos de gerenciamento e proteção de endpoints distribuídos.

Empresas como, Duratex (Dexco) e Bradesco, decidiram implementar as soluções Endpoint Central e/ou Patch Manager Plus, para automatizar completamente todo o processo de gerenciamento de patches.


Nossa equipe preparou algumas dicas para simplificar o processo de aplicação de patches remotos:



Substitua as atualizações automáticas por gerenciadas

Um patch defeituoso pode derrubar todo o sistema. Plataformas inteligentes para gestão de dispositivos e patches como o Patch Manager Plus e o Endpoint Central podem orquestrar uma boa distribuição das rotinas, tais como o Wake On Lan, uma funcionalidade que garante as atualizações automáticas fora do horário de expediente, sem precisar deixar a máquina ligada.

Crie um ponto de restauração

Estabeleça um cronograma de patches

Teste os patches em um grupo piloto

Como muitos usuários estão trabalhando em casa

A maioria das organizações está implantando patches usando uma VPN

Agende as atualizações não relacionadas à segurança

Execute relatórios de patch

Para máquinas pertencentes a usuários que retornam ao escritório após trabalhar remotamente

Instale as atualizações e os pacotes de recursos mais recentes

Faça um inventário e remova aplicações


Quer saber como as soluções Endpoint Central ou o Patch Manager Plus automatizam completamente todo o processo de gerenciamento de patches, customizada de acordo com a necessidade da sua empresa? Fale com nossos especialistas, Clique Aqui e mantenha milhares de aplicações corrigidas e seguras.

 


Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page